1. O QUE É?

A doença do trabalho é aquela que tem ligação com o meio em que o trabalhador executa as suas funções. Imagine, por exemplo, um operador de máquinas que trabalha na linha operacional de uma indústria.

Se esse trabalhador executa suas tarefas em um local em que há muito barulho e ruído e, por conta disso, desenvolver uma perda auditiva, ele terá uma doença do trabalho e não uma doença ocupacional.

As doenças do trabalho ainda podem ser classificadas em três categorias. Observe:

  • físicas — patologias causadas por exposição a fatores como o calor, o frio, o barulho, a radiação etc;
  • químicas — patologias causadas por exposição a produtos químicos como tintas, produtos tóxicos etc;
  • biológicas — doenças causadas quando se é exposto a bactérias e vírus na atividade de trabalho.

 

  1. PRINCIPAIS DOENÇAS RELACIONADAS AO TRABALHO

Nesta pluralidade de doenças que podem ser geradas no ambiente de trabalho, há cinco que são mais frequentes.

 

  • LER

A sigla LER significa Lesão por Esforço Repetitivo. O nome da sigla já é explicativo, pois as pessoas que adquirem a LER são aquelas que fazem a mesma ação repetidamente por dia. Como, por exemplo, os colaboradores que trabalham em frente ao computador, por conta do esforço repetitivo de digitar, podem adquirir a tendinite (inflamação nos tendões).

 

  • DORT

As DORTs são os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho. Os que adquirem essa doença são aqueles que trabalham em posturas inadequadas, chamadas de posturas anti-ergonômicas. Caso não sejam tratadas a tempo, as DORTs podem se agravar causando até mesmo a invalidez do trabalhador. Por isso a importância da postura para manter a coluna saudável.

 

  • SURDEZ DEFINITIVA OU TEMPORÁRIA

Em alguns tipos de trabalhos, há constantemente ruídos que podem ocasionar a perda da sensibilidade auditiva. Esta perda pode ser temporária ou definitiva e pode acontecer de forma silenciosa e lenta, ou seja, não se trata de uma doença relacionada ao trabalho que pode ser evitada por conta da dor, pois o trabalhador não percebe que está perdendo a audição e, por isso, é importante ter atenção com ela.

 

  • SOFRIMENTOS PSÍQUICOS RELACIONADOS AO TRABALHO (SAÚDE MENTAL)

Sofrimentos psíquicos, tais como a ansiedade e o estresse, estão diretamente ligados às pressões que podem ocorrer no ambiente de trabalho (desentendimentos, a carga horária excessiva, dentre outros).

 

  • DERMATITE ALÉRGICA DE CONTATO

Trata-se de uma doença relacionada ao trabalho que se caracteriza por alterações na mucosa e pele do colaborador, devido a sua exposição a agentes nocivos no momento em que ele está executando suas atribuições. Ulcerações, dermatite de contato, infecções e cânceres são alguns males que o termo dermatite alérgica de contato engloba.

 

  1. PREVENÇÃO

As doenças citadas acima podem ser prevenidas, mas para isso é necessário que a empresa adote ações essenciais

  • Oferte ginástica laboral: Para prevenir a Lesão por Esforço Repetitivo, a empresa pode facilitar que nos ambientes de trabalho tenha ginástica laboral. Além disso, é importante que o funcionário faça pausas para descansodurante a atividade que exerce;

 

  • Incentive a prática de exercícios físicos: Já para combater Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho, incentive a prática de exercício físico, para que haja fortalecimento dos músculos de seus colaboradores. Outra importante medida preventiva é proporcionar um tipo de mobiliário que promova a correta acomodação ergonômicado colaborador para atividades desenvolvidas em escritórios;

 

  • Reforce o uso obrigatório de Equipamentos de Proteção Individual: Incentive também o uso de equipamentos de proteção individual (EPI), como protetores auriculares nos ambientes de muito ruído para que se evite a surdezfalada anteriormente neste post. Além de outros equipamentos, que podem evitar também Dermatite Alérgica de Contato;

 

  • Construa um ambiente de trabalho saudável: Propicie a seu empregado um ambiente de trabalho saudável, com diálogoacerca de suas demandas, alinhando a complexidade de cada uma e estando próximo para ajudá-lo; e um bom relacionamento, minimizando problemas e estando disponível para o colaborador quando ele, porventura, sentir-se sobrecarregado. Assim haverá uma menor possibilidade de que ele desenvolva sofrimentos psíquicos relacionados ao trabalho;

 

  • Realize campanhas de vacinação: Promova campanhas de vacinação dentro da empresa para os funcionários, evitando a disseminação de doenças. Essa iniciativa visa reduzir os dias de trabalho perdidos, como também o índice de absenteísmo.

Considerando as medidas preventivas citadas acima, para um maior suporte físico e psicológico ao colaborador, é indispensável que a empresa disponibilize um bom plano de saúde empresarial. Com o acompanhamento adequado, agilidade no atendimento e assertividade de diagnósticos, o funcionário alcançará maior bem-estar, o que impactará positivamente em sua produtividade e, consequentemente, no alcance dos resultados da empresa.

  1. REFERÊNCIAS

httpss://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/manuais/seguranca%20e%20saude%20no%20trabalho/Saudedotrabalhador.pdf

https://www.unimedfortaleza.com.br/blog/para-sua-empresa/doencas-relacionadas-ao-trabalho-como-evitar-na-empresa

https://blog.safesst.com.br/doenca-do-trabalho-e-doenca-profissional-saiba-como-diferenciar/